Bravo!Trader

Para Investidores e Empreendedores

Faturamento de lojas on-line cresce 41% em 2020 — Foto: Rupixen/Pixabay

O faturamento de lojas on-line cresceu 41% no em 2020, em comparação com o mesmo período de 2019. É a maior alta do setor em 13 anos, conforme um levantamento da Ebit/Nielsen.

As vendas no e-commerce chegaram a R$ 87,4 bilhões entre janeiro e dezembro do ano passado em meio à pandemia de coronavírus.

O número foi impulsionado pelo crescimento dos pedidos, que subiram 30%, em sua maior alta desde 2013. Foram 194 milhões de compras nos 12 meses de 2020.

Veja pontos que ajudaram o desempenho, segundo a Ebit/Nielsen:

  • Frete grátis: representou 43% de todas as compras em 2020.
  • Compras pelo celular: 55,1% foram por esses dispositivos.

“O brasileiro ficou muito conectado durante a pandemia, com o celular ao alcance da mão. E isso facilitou muito para fazer suas compras de supermercado, roupas, artigos de casa e decoração, por exemplo”, afirmou o chefe de e-commerce de Ebit/Nielsen, Marcelo Osanai.

Divisão de faturamento por segmentos:

  • Lojas de departamento: 84,3%
  • Artigos esportivos: 2,8%
  • Informática: 2,4%
  • Roupas: 2,2%
  • Autosserviço (supermercados, atacarejos e farmácias): 1,8%

Saiba como proteger seus dados na web